fbpx
Role para cima
© 2021. Aigen Soluções Digitais

Técnicas de SEO

Por Juliana Sartori, Analista de Mídias

08/07/2021, às 11h

tecnicas-de-seo

SEO é uma estratégia muito conhecida para ranqueamento em sites de busca. Se você tem um blog ou um site e se preocupa em aparecer na primeira página ou como um dos principais resultados do Google, você provavelmente já ouviu falar em SEO. Mas… como colocá-lo em prática? 

Nesse novo texto do blog, trouxemos tudo sobre o assunto para você!

SEO é a sigla utilizada para Search Engine Optimization, que em português, significa Motor de Otimização de Busca. A sigla significa um conjunto de ações que procura explicar ao mecanismo de ranqueamento do Google que seu site é relevante quando o usuário pesquisa determinado termo.

Assim, não é possível ranquear o site todo com uma palavra só, mas cada página, um termo específico. Você pode usar cada página do site para ranquear um termo relacionado ao assunto, sempre refletindo o conteúdo principal da página, que está alinhado com o conteúdo geral. 

Por exemplo, se você tem uma academia de natação, a página 1 pode ser sobre natação infantil. A página 2, sobre hidroginástica; a 3 sobre natação para atletas e assim por diante. Segmentar o assunto principal e cobrir diversos temas parecidos no site é algo importante.

Ok, mas como colocar o SEO em prática?

Depois de definir o tema da página e escolher seu termo-chave, siga as 5 dicas a seguir:

1. O termo-chave deve estar no começo do título e no começo do texto

Para construir esse texto que você está lendo, usamos as dicas compartilhadas. Volte ao início do texto e observe. Nosso termo-chave é “SEO”. Sabemos que o Google valoriza a máxima correspondência entre o que o usuário pesquisa e o que ele encontra, por isso, se eu quiser que um usuário encontre esse texto ao buscar por “SEO” no Google, e se esse for meu termo-chave, ele deve estar no início do meu título e no início do meu texto, também.

2. Inclua palavras de transição para ligar os parágrafos

As palavras de transição são aquelas palavras utilizadas para dar a noção de continuidade a uma ideia, mesmo um parágrafo novo. São usadas também entre frases, com o mesmo propósito: juntar a frase anterior com a próxima.

O Google avalia positivamente esse quesito porque um texto com palavras de transição suficientes é um texto fluido, agradável de ler. Confira na matéria do site Conexorama alguns dos termos mais usados para transição, de acordo com sua necessidade, clicando aqui.

3. Use subtítulos para separar tópicos diferentes

Para que o texto seja completo, tendemos a trazer diversas informações sobre o assunto citado. Desse modo, o leitor pode ter uma visão completa e profunda a respeito de vários temas que cercam o mesmo assunto. 

O Google também avalia isso. Além de checar o tamanho do texto (dica extra! textos muito pequenos não são bem-avaliados), ele vê se o texto foi dividido em subseções, que facilitarão a busca do usuário por aquilo que ele busca encontrar, dentro dos tópicos.

Esse texto, por exemplo, fala sobre SEO e está subdividido em 6 partes: introdução e 5 dicas, sendo cada dica, uma nova seção. Assim, o leitor vê pelo título que o texto é do interesse dele e pelos subtítulos quais serão os temas tratados nos próximos parágrafos.  

4. Inclua imagens (que tenham a ver com seu tema)

Sim, uma boa estratégia de SEO não é só relacionada ao conteúdo textual, mas também visual da página. Para ter sucesso nessa etapa, separe uma imagem que tenha relação com seu tema, nomeie-a com seu termo-chave e adicione também o texto alternativo, que tem a função de descrever brevemente o conteúdo da imagem.

Isso fará com que o texto fique mais atrativo aos leitores e fará também com que possa ser descrito pelos leitores de tela.

Caso a imagem não seja sua, lembre-se de dar os créditos ao dono dela. 

5. Adicione o termo chave na meta-descrição

A meta-descrição é o texto que aparece embaixo do link, no Google. Assim como o título, é importante que seu termo-chave esteja presente ali, não só para o Google, mas também para que o leitor veja que seu texto realmente fala daquele conteúdo.

Por fim, é importante ressaltar: todas as dicas que comentamos buscam colocar sua página em uma posição melhor nas buscas do Google e elas realmente funcionam. Mas o Google, além de qualquer regra, busca sempre pela otimização voltada para o usuário e preza por trazer sempre os melhores resultados a ele. Por isso, se uma dica de SEO acabar por deixar o texto “pesado” ou pior para leitura, não faça. Tenha sempre em mente a máxima do Google: O melhor para o leitor.

Bacana, não é? Se você gostou do assunto, confira outros temas sobre marketing digital clicando aqui.

Postar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *